SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

Instagram siga no Instagram
 

1.        a) atribuição de um poder absoluto ao soberano.   

2.        a) Nesse trecho, Hobbes lança o argumento que irá dar o fundamento jurídico para a constituição do Estado.   

3.        b) Realização das disposições naturais do homem e artifício necessário para frear a natureza humana.   

4.        d) Hobbes defendia que a rivalidade de cada um com cada um era a condição natural da humanidade. Uma nova arte política baseada na renúncia de direito natural e no medo de punição foi a solução.   

5.        c) Apenas II e IV.   

6.        a) seguiu a tradição contratualista de Locke e Hobbes, contudo sua ideia de pacto fundamentou-se na noção de vontade geral, ponto de partida para a cidadania, construída com base nas vontades particulares.   

7.        c) estado de natureza.   

8.        a) entravam em conflito.   

9.        d) Monarquia Absolutista.   

10.    e) política de Hobbes, que conceitua a competição e a desconfiança como condições básicas da natureza humana.   

11.    b) I e III   

12.    a) “construída por aquelas regras que o Estado lhe impõe, oralmente ou por escrito, ou por outro sinal suficiente de sua vontade, para usar como critério de distinção entre o bem e o mal”.   

13.    b) A condição natural do homem é de guerra de todos contra todos. Resolver tal condição é possível apenas com um poder estatal pleno.    

14.    b) “É na soberania que está a fonte da honra”.   

15.    a) Segundo Hobbes, o estado de natureza se confunde com o estado de guerra, pois ambos são uma condição original da existência humana.   

16.    c) estes estão constantemente envolvidos numa competição pela honra e pela dignidade e se julgam uns mais sábios que outros para exercer o poder público, reformam e inovam, o que muitas vezes leva o país à desordem e à guerra civil.   

17.     c) “reside em um homem ou em uma assembleia de mais de um”.   

18.    d) As noções de justiça e de injustiça, como as de bem e de mal, têm lugar a partir do momento em que os homens vivem sob um poder soberano capaz de evitar uma condição de guerra generalizada de todos.   

19.    d) Apenas II e IV estão corretas.   

20.    b) A condição de miséria a que se refere o texto é o estado de natureza ou, tal como se pode compreender, o estado de guerra.   



Axact

Recomendamos

O espaço virtual do estudante!

Postar um comentário:

0 comentários: