SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

Instagram siga no Instagram

1. (Pucpr Medicina 2022) O retorno do Talibã ao poder no Afeganistão chamou a atenção do mundo ao expor o risco do retrocesso democrático no país. O Afeganistão tem uma localização estratégica no continente asiático, estando sob o foco tanto da Rússia como da China que irão exercer sua influência na região após a saída dos Estados Unidos. Neste contexto, torna-se importante compreender o papel geopolítico da região e conhecer aspectos geográficos do país.

Um professor de Geografia, ao abordar a situação do Afeganistão, aproveita a situação para também trabalhar o conceito de escala. O professor coloca no quadro em uma linha reta de 20 cm, a distância entre Brasília e Cabul, de aproximadamente 13.500 km e solicita a escala dessa representação, estando correta a alternativa

a) 1 : 6.500.000   

b) 1 : 67.500.000   

c) 1 : 670.000.000   

d) 1 : 6.700.000   

e) 1 : 670.000   

2. (Pucgo Medicina 2022) A escala cartográfica é um importante artifício matemático utilizado na representação do espaço geográfico. Ela permite, por exemplo, a representação do território brasileiro em uma folha de papel ou, como é mais comum atualmente, na tela de um computador, indicando a razão entre as dimensões no mapa e suas correspondentes no terreno.

Considerando um mapa na escala 1:36000000, em que os extremos Leste-Oeste e norte-sul do território brasileiro aparecem separados por 12 cm e 12,2 cm, respectivamente, assinale a única alternativa que apresenta a distância real entre os referidos extremos:

a) 432000000 cm e 4392000 m, respectivamente.   

b) 4320 km e 4392 hm, respectivamente.   

c) 432000 dam e 43920000 m, respectivamente.   

d) 43200000 dm e 43920 hm, respectivamente.   

 

3. (Uerj 2022) 

“O século XX foi, talvez, o mais violento da história mundial. A humanidade está em constante guerra consigo mesma e é perfeitamente capaz da destruição total. Esse é o material bruto para a minha arte”, diz o artista mexicano Enrique Chagoya. Em um mapa do mundo ladeado por figuras de esperança e de desespero e coberto por imagens militares e religiosas, assim como por estereótipos culturais, Chagoya ironiza os Estados Unidos enquanto superpotência e país defensor da autodeterminação democrática mundo afora.

Adaptado de HARMON, K. (Org.). The map as art. Nova York: Princeton Architectural Press, 2009

Na obra do artista, identifica-se o uso de um recurso de representação do espaço similar à seguinte técnica:

a) projeção cartográfica   

b) sensoriamento remoto   

c) anamorfose geográfica   

d) levantamento planimétrico   

4. (Albert Einstein - Medicina 2022) Analise a projeção cartográfica.

Essa projeção cartográfica

a) conserva a forma dos continentes em detrimento das proporções.   

b) possui maiores distorções ao longo dos meridianos centrais.   

c) apresenta meridianos radiais que se originam de um único ponto nas latitudes médias.   

d) possui paralelos com intervalos crescentes do Equador aos polos.   

e) privilegia continentes em suas formas e áreas, realizando cortes nos espaços oceânicos.   

5. (Acafe 2022) Observe a imagem a seguir:

Assinale a alternativa CORRETA que apresenta o tipo de técnica cartográfica empregada no mapa acima.

a) Gráfico populacional   

b) Anamorfose geográfica   

c) Exagero vertical   

d) Mapa-múndi físico   

6. (Fmj 2022) Examine a planta baixa de uma moradia localizada no Hemisfério Norte.

Avaliar a melhor posição solar antes de comprar um imóvel é tão importante quanto escolher o bairro em que se irá morar. Devido ao movimento aparente do sol, a orientação solar muda de acordo com a posição do imóvel. Dessa forma, na planta apresentada, os quartos são mais iluminados e aquecidos, pois estão posicionados para a face

a) oeste.   

b) leste.   

c) norte.   

d) noroeste.   

e) sul.   

7. (Fcmscsp 2022) Os mapas temáticos são elaborados a partir de métodos que consideram as características e as formas de manifestação dos fenômenos. Assim, na construção de um mapa que apresente os recursos minerais e energéticos brasileiros, evidenciando sua variedade e sua distribuição, deverá ser empregado o método

a) quantitativo, sendo adequado utilizar uma gradação de cores.   

b) qualitativo, sendo adequado utilizar pontos com formas diferentes.   

c) ordenado, sendo adequado utilizar uma variação de tamanhos de uma mesma forma.   

d) anamórfico, sendo adequado utilizar a proporcionalidade entre as áreas.   

e) dinâmico, sendo adequado utilizar setas com diferentes larguras.   

8. (Upf 2022) Observe as cidades A e B na representação abaixo e as suas posições geográficas em relação ao perímetro de insolação solar, decorrentes da dinâmica de rotação da Terra.

Analise as afirmações a seguir sobre essas cidades.

I. Na cidade B, a noite está apenas começando.

II. Os moradores da cidade A preparam-se para as atividades do dia porque está amanhecendo.

III. O horário da cidade A está adiantado em relação ao horário da cidade B.

É correto apenas o que se afirma em:

a) I.   

b) II.   

c) II e III.   

d) III.   

e) I e II.   

9. (Famerp 2022) Os processos florestais estão se tornando mais dinâmicos a cada dia, portanto, é necessário, de forma cada vez mais ágil e segura, obter informações determinantes para o correto, sustentável e devido manejo florestal. Com a técnica adequada, é possível ter informações concretas de áreas de grande extensão territorial, com características multiespectrais, com monitoramento frequente e a um custo infinitamente inferior aos processos presenciais. Ou seja, temos baixo custo, precisão, segurança e resultado, todos reunidos em um único processo.

(www.labgis.uerj.br. Adaptado.)

A técnica que cumpre com as intenções encontradas no excerto é

a) a coordenada geográfica.    

b) a simbologia gráfica.   

c) o sensoriamento remoto.    

d) o perfil topográfico.   

e) a anamorfose.   

10. (Fuvest 2022) A pandemia da COVID-19 acendeu o alerta sobre os impactos que a rápida disseminação de enfermidades produz em um mundo cada vez mais globalizado. Além disso, ressaltou a importância das pesquisas científicas na descoberta, tratamento e controle de doenças tropicais negligenciadas, muitas delas recorrentes em diferentes países do mundo. Os mapas a seguir indicam as taxas de incidência de doenças tropicais negligenciadas (total de casos por milhão de habitantes) e o Produto Interno Bruto (PIB) per capita dos respectivos países.


Em relação à incidência de doenças tropicais negligenciadas, é correto afirmar:

a) Na África, é maior nos países com os maiores PIB per capita, em especial na região subsaariana.   

b) Na Ásia, é menor nos países com os menores PIB per capita, com destaque para Ásia Setentrional.   

c) Na América do Sul, é menor nos países da América Platina, com os menores PIB per capita da região.   

d) Na América do Norte, com elevado PIB per capita, a incidência é menor em comparação ao Oriente Médio.   

e) Na Oceania, apesar do PIB per capita elevado, verifica-se alta incidência, com destaque para a Austrália.   

11. (Pucrs Medicina 2022) Um avião parte de um ponto sobre a linha do Equador ao meio-dia, deslocando-se sobre esta mesma linha e em sentido contrário ao da rotação terrestre. No instante em que atinge a maior velocidade, o sol está exatamente no ponto mais alto do céu. A partir deste momento, o avião voa a uma velocidade tal que, a cada uma hora, cruza 15 meridianos. Depois de 6 horas de voo com velocidade e altura constantes, o piloto informa sua longitude à torre de comando para preparação do pouso.

O voo ocorreu no dia __________.

a) do solstício de verão do hemisfério Sul   

b) do solstício de inverno do hemisfério Sul   

c) do equinócio de verão do hemisfério Sul   

d) do equinócio de primavera do hemisfério Sul   

 

12. (Uerj 2021) 


No mapa, a menor distância real que deve ser percorrida por um avião em um voo de Nova York para Madri está representada pela linha 1, e não pela linha 2.

Esse fato é explicado pela:

a) forma esferoidal do planeta   

b) força centrífuga da rotação   

c) intensidade magnética do polo   

d) instabilidade regional da atmosfera   

13. (Enem PPL 2021) O Google Earth permite obter imagens aéreas do terraço da sua casa, acompanhar com detalhes a trajetória de um furacão, a temível falha geológica de San Andreas, na Califórnia, ou até mesmo passear pelo Grand Canyon. A nova tecnologia levou a Organização Australiana para a Ciência Nuclear e a Tecnologia a pedir ao Google que censurasse as imagens, tal como já fez com fotos aéreas da Casa Branca, na capital americana. O diretor de operações do organismo australiano se mostrou preocupado, não tanto pelas informações disponíveis atualmente, mas sim pelo futuro de uma tecnologia que pode ir longe demais: “Para nós, parece ser importante saber até onde esta tecnologia pode levar”.

Disponível em: www5.estadao.com.br. Acesso em: 28 jul. 2012.

O avanço das técnicas cartográficas trouxe como consequência um maior detalhamento das informações sobre o mundo. A restrição de alguns países ao amplo acesso a essas informações ocorre porque eles

a) tentam proteger as bases de dados patenteadas por algumas empresas nacionais, resguardando seus direitos econômicos.   

b) receiam divulgar suas riquezas nacionais, tornando-se alvos fáceis para a agenda de expansão e exploração das multinacionais.   

c) pretendem ocultar dados econômicos cartografados de natureza sigilosa, muito úteis nas negociações de acordos aduaneiros.   

d) temem ficar expostos a ataques de potenciais inimigos, pela exibição de sua geografia e de seus pontos militares e civis.   

e) almejam manter segredo sobre o potencial atômico que cada nação desenvolve em suas usinas nucleares, evitando sanções da ONU.   

14. (Pucrj 2021) 

Imagem de satélite feita à noite, em 2015, sobre o Extremo Oriente. Levando-se em consideração que o número 1 está sobre o Nordeste da República Popular da China e o número 3 está sobre o Mar Amarelo, o número 2 está sobre parte de uma península asiática onde se delimita um país chamado

a) Taiwan.   

b) Coreia do Norte.   

c) Cingapura.

d) Vietnã.

15. (Ifpe 2020) Existem mapas que remontam ao ano 6.000 a. C. O primeiro mapa-múndi foi publicado em 1569, pelo belga Mercator, que utilizou uma projeção para representar a superfície esférica da Terra sobre uma superfície plana. Esse tipo de mapa é o mais comumente utilizado hoje e denomina-se planisfério.

O globo é a representação mais fiel da superfície terrestre, pois, apesar de não ser rico em detalhes, possui forma semelhante à da Terra. Todo bom mapa deve conter quatro elementos principais: título, escala, coordenadas geográficas e legenda. Eles asseguram a leitura e a interpretação precisas das informações.

O texto aborda informações acerca de uma importante área do conhecimento, fundamental para a Ciência Geográfica na representação do espaço geográfico. Essa área é a

a) astronomia.   

b) demografia.   

c) cartografia.   

d) geologia.   

e) pedologia.   

16. (Unisc 2016) Entre os diversos elementos que compõem um mapa, encontra-se a escala. Ela pode ser definida como a proporção existente entre as distâncias lineares representadas no “papel” e as existentes na superfície real. No caso das escalas numéricas, a representação é feita por meio de uma fração em que o numerador indica a distância medida no mapa enquanto o denominador informa a distância real. Partindo disso, assinale a alternativa cuja escala indica um maior detalhamento da área representada.

a) 1:10.000
b) 1:50.000
c) 1: 200.000
d) 1: 300.000
e) 1: 4.000.000

17. (Ufrgs 2016) Observe o mapa abaixo, com representação em curvas de nível.

 

Considere as afirmações sobre o relevo em que estão localizados os indivíduos A, B e C.

I. O indivíduo está sobre um relevo de cuesta com o front voltado para sudoeste.

II. O indivíduo está sobre um ponto mais íngreme da vertente, se comparado ao indivíduo C.

III. As formas de relevo assemelham-se quanto à altitude, porém diferenciam-se quanto à simetria.

Quais estão corretas?

a) Apenas I.   

b) Apenas II.   

c) Apenas III.   

d) Apenas II e III.   

e) I, II e III.   

18. (Uerj 2016) Compare as imagens a seguir. Na Imagem 1, apresenta-se o desenho original do perfil de uma cabeça humana sobre uma representação possível do globo terrestre. Na Imagem 2, esse mesmo desenho é apresentado em um planisfério elaborado com a projeção cartográfica de Mercator, que é utilizada desde o período das grandes navegações.

 

Com base na comparação entre essas imagens, conclui-se que o território das Américas que tem a área mais ampliada com o uso da projeção de Mercator é:

a) Brasil   

b) México   

c) Argentina   

d) Groenlândia   

19. (IFSP 2016) Sobre Greenwich e os fusos horários, é correto o que se afirma em:

I. Os fusos horários estão estabelecidos no planeta com base em uma linha longitudinal de referência que é a do meridiano de Greenwich.

II. Ao todo são vinte e quatro fusos horários ao todo.

III. Ao todo são vinte e seis fusos horários ao todo.

IV. Greenwich é o meridiano que divide o globo terrestre em dois hemisférios: oriental e ocidental.

V. Greenwich é o meridiano que divide o globo terrestre em dois hemisférios: norte e sul.

VI. Greenwich é o nome de uma cidade que está localizada na Inglaterra e no meio do planeta.

 

a) Somente II, III e VI são corretas.   

b) Somente I, II e V são corretas.   

c) Somente I, III, IV e V são corretas.   

d) Somente II, IV e V são corretas.   

e) Somente I, II, IV e VI são corretas.   

20. (Upf 2016) O mapa múndi que se apresenta é uma anamorfose e está representado de modo que o tamanho dos países e continentes depende da quantidade de habitantes.

Sobre o que está apresentado, é correto afirmar que:

a) a Austrália, populosa, fica sub-representada, embora tenha uma grande extensão territorial.   

b) os países norte-americanos praticamente mantêm sua área original, pois possuem grandes populações.   

c) o continente africano parece muito menor, mostrando o quanto é pouco populoso.   

d) A Ásia tem a área ampliada, o que mostra que alguns países são muito populosos.   

e) A Europa Ocidental, por ser uma área pouco povoada, aparece com pouca expressão no mapa.   

21. (Ufrn 2013) Um estudante australiano, ao realizar pesquisas sobre o Brasil, considerou importante saber a localização exata de sua capital, a cidade de Brasília. Para isso, consultou o mapa a seguir: 

O mapa consultado pelo estudante australiano permitiu identificar a localização exata de Brasília, a qual se estabelece a partir de 

a) projeção cartográfica.
b) escala geográfica.
c) coordenadas geográficas.
d) convenções cartográficas.


22. (Ufrn 2013) As curvas de nível são linhas que unem os pontos do relevo os quais apresentam a mesma altitude.
A figura abaixo representa a topografia de uma área a partir de curvas de nível.

Considerando as informações da figura apresentada, é correto afirmar: 

a) O percurso do rio principal segue a direção nordeste-sudoeste. 

b) As maiores declividades do terreno localizam-se na direção noroeste. 

c) As menores altitudes do terreno localizam-se na direção sudeste. 

d) O percurso do rio principal segue a direção sudoeste-nordeste. 

23. (Unesp 2013) O mapa representa as diferenças de horário na América do Sul em função dos diferentes fusos.

A seção de abertura da Rio+20 ocorreu no Rio de Janeiro, no dia 20 de junho de 2012. A presidente da República do Brasil, Dilma Rousseff, fez um pronunciamento à nação às 21 horas, horário de Brasília. Os moradores de La Paz, na Bolívia, de Caracas, na Venezuela, de Buenos Aires, na Argentina, e do Arquipélago de Fernando de Noronha, no Brasil, se quisessem assistir ao vivo à fala da presidente, deveriam ter ligado seus televisores, respectivamente, nos seguintes horários: 

a) 22h; 20h30; 21h; 19h.
b) 20h; 21h30; 21h; 22h.
c) 21h; 22h30; 20h; 22h.
d) 18h; 22h30; 20h; 19h.
e) 20h; 19h30; 21h; 22h.

24. (Uern 2012) “As curvas de nível (ou isoípsas) são linhas que unem os pontos do relevo que têm a mesma altitude. Traçadas no mapa, permitem a visualização tridimensional do relevo”.

(Moreira, J. C. & Sene E. Geografia: ensino médio – volume único. São Paulo: Scipione, 2005)

 

As curvas de nível são muito utilizadas em mapas topográficos para determinar a declividade e a variação de altura, sendo um importante instrumento para a implantação de loteamentos e estradas, para evitar problemas como o demonstrado na figura 1.

Analisando o mapa topográfico (figura 2), em qual localidade o problema destacado na figura 1 será mais frequente? 

a) 1
b) 2
c) 3
d) 4

25. (Ufpb 2012) Grande parte das cidades brasileiras sofre com problemas de inundações em períodos de chuvas intensas, ocasionando transtorno à população e grandes prejuízos econômicos e sociais. A expansão urbana desenfreada invade as planícies fluviais que são áreas naturais onde os rios, nos períodos chuvosos, acabam transbordando. Nesse contexto, observe a seguir as imagens orbitais do rio Tietê em dois trechos da região metropolitana de São Paulo.

Com base nesses mosaicos de imagens orbitais e na literatura sobre o tema, identifique as afirmativas corretas relativas ao rio Tietê, na Região Metropolitana de São Paulo: 

( ) É um rio naturalmente meândrico e foi retilinizado e alargado em alguns trechos dessa região, através de obras de engenharia, para aumentar sua vazão e reduzir as enchentes. 

(  ) É um rio meândrico em todo seu curso nessa região, ocasionando enchentes, em períodos chuvosos, devido à sua baixa vazão e à ocupação urbana nas planícies fluviais. 

( ) Foi amplamente modificado por obras de engenharia em alguns trechos dessa região, mas, ainda assim, ocorrem enchentes, em períodos de chuvas intensas, provocando transtornos à população que ocupa as planícies fluviais. 

( ) Mantém ainda em suas margens mata ciliar preservada nas planícies fluviais em todo trecho dessa região, o que impede as enchentes nos períodos de precipitação intensa. 

( ) Foi amplamente modificado por obras de engenharia em alguns trechos dessa região, mas essas obras não impedem a deposição de lixo no seu leito que é carreado por enxurradas em períodos chuvosos. 


a) V - F - V - F – V
b) V - V - V - F - V
c) F - F - V - V - V
d) V - V - V - F - F
e) V - F - F - V - V

26. (Ufpa 2012) 

 


A análise dos mapas apresentados em diferentes escalas permite identificar que 

a) a redução da escala permite maior detalhamento das informações. 

b) a escala utilizada na representação do mapa 1 é maior do que no mapa 2. 

c) há preferência pelo uso da escala numérica em detrimento da escala gráfica. 

d) a distância real entre as cidades é maior no mapa 2 do que no mapa 1, em função da escala utilizada. 

e) os níveis de detalhes observados no mapa 2 resultam da utilização de uma escala maior do que a do mapa 1. 

27. (Unisc 2012) Moradores de Maringá sentiram um tremor na manhã de sexta-feira, 2 de setembro de 2011, por volta das 11h, reflexo do terremoto de 6,7 graus na escala Richter que atingiu a região de Santiago Del Estero, no Norte da Argentina, a cerca de Maringá, ao Norte do Paraná, conforme mapa abaixo. Esta distância é representada no mapa por 4 cm. Determine a escala dessa representação.

a) 1 : 6.200
b) 1 : 62.000
c) 1 : 387.500
d) 1 : 620.000
e) 1 : 38.750.000

28. (Uern 2012) Um turista chega à cidade de Natal (RN) e, encantado com as belezas do estado, resolve conhecer Mossoró (RN), para isso utiliza o mapa rodoviário. 

Dispondo do mapa, mediu a distância entre as duas cidades (2,8 cm) e concluiu que terá que percorrer 

a) 2,8 km.
b) 28 km.
c) 280 km.
d) 2800 km.

29. (Ufsj 2012) Observe o mapa abaixo.

 

Um avião, que se desloca (percorrendo a menor distância) do ponto A (situado a 60° de Latitude Norte e 140° de Longitude Leste) para o ponto B (situado a 60° Latitude Norte e 100° de Longitude Oeste), deverá 

a) ultrapassar o Círculo Polar Ártico e entrar na Zona Glacial. 

b) elevar sua altitude para evitar Ventos alísios e turbulências atmosféricas. 

c) atrasar os relógios ao atravessar a linha internacional de mudança de data. 

d) sobrevoar regiões ocupadas por formações florestais úmidas, heterogêneas e latifoliadas. 

30. (Ufrn 2012) O Brasil sediará a Copa do Mundo em 2014 e, na cidade do Rio de Janeiro, serão disputados importantes jogos. Um torcedor que decidir permanecer na cidade do Rio de Janeiro visando a assistir aos jogos precisará de uma representação cartográfica que lhe permita localizar as principais vias de acesso ao estádio, como ruas e avenidas. Para atingir este objetivo, terá à sua disposição os dois tipos de representação cartográfica com escalas diferentes, mostrados a seguir:

Para que o torcedor possa se locomover na cidade com mais facilidade, o tipo de representação cartográfica que melhor o orientará é o apresentado na 

a) Figura 1, porque tem uma escala pequena, expressando uma área maior, com menor número de detalhes.   

b) Figura 1, que possui uma escala grande, representando uma área menor, com maior grau de detalhamento. 

c) Figura 2, que possui uma escala grande, representando uma área maior, com menor grau de detalhamento. 

d) Figura 2, porque tem uma escala pequena, expressando uma área menor, com maior número de detalhes.   





Axact

Recomendamos

O espaço virtual do estudante!

Postar um comentário:

3 comentários: