Interpretação de Textos: Charges e Quadrinhos - Questões de Vestibulares

1. (Unifesp 2017)  Examine a tira do cartunista argentino Quino (1932- ).


As frases citadas pela personagem Mafalda no início de sua fala foram extraídas de
a) um anúncio publicitário.   
b) um livro sobre culinária.   
c) uma peça de teatro.   
d) uma cartilha escolar.   
e) um guia turístico.   

2. (Cp2 2017) Cineclube em SP realiza feira de trocas mensalmente

1No último domingo (7), a associação Cineclube Socioambiental Crisantempo, localizada na Vila Madalena, bairro da zona oeste de São Paulo, realizou uma feira em que os moradores puderam trocar objetos entre si. 2A iniciativa busca incentivar o consumo 3consciente e levar para o espaço o conceito de economia solidária.
4A feira de trocas acontece uma vez por mês, sempre aos domingos. O grupo aconselha levar livros, roupas, CDs, DVDs, aparelhos eletrônicos, brinquedos, objetos de decoração, objetos em geral que estejam em bom estado.
Segundo os organizadores, o objetivo é “promover um espaço de reflexão sobre o consumo, trocar diversos tipos de objetos, saberes e sabores”. Por isso, também podem ser levados alimentos e plantas, além de “serviços e saberes”. Tudo para a troca de ideias e divulgação de utilidades.
O evento funciona da seguinte maneira: 5cada um coloca seus bens num local e utiliza uma etiqueta com seu nome. Após a organização dos espaços pessoais, os participantes circulam para conhecer os espaços dos outros e 6num determinado momento (ao tocar do sino) começam as trocas.
7O espaço também promove o desapego através da doação. Há uma área destinada apenas para doar objetos às instituições que necessitam. Para finalizar, acontece um lanche 8compartilhado com alimentos levados pelos próprios participantes. 9Uma 10experiência colaborativa agradável, que questiona o 11individualismo imposto nas grandes cidades. 
Fonte: http://cicIovivo.com.br/noticia/cinecIube-em-sp-realiza-feira­-de-trocas-mensaImente/. Acesso em 03/10/2016.


Assinale a alternativa que relaciona corretamente a reflexão provocada pela tirinha e pelo texto.
a) Em ambos os textos, as pessoas promovem um mundo mais harmônico e menos consumista.   
b) Em ambos os textos, não há promoção de um mundo mais harmônico e com consumo consciente.  
c) No texto Cineclube em SP realiza feira de trocas mensalmente, há a vontade de se ter um mundo mais harmônico e menos consumista, o que não acontece na tirinha.   
d) No texto Cineclube em SP realiza feira de trocas mensalmente, foram tomadas iniciativas para amenizar o modelo do consumo desenfreado no mundo, o que não acontece na tirinha.   
  
3. (Eear 2017)  Leia: 
Marque a opção que apresenta correta interpretação da tirinha da Mafalda, personagem presente no último quadrinho, de autoria do cartunista argentino Quino, em que Felipe, no primeiro quadrinho, mostra-se pensativo com a possibilidade de participar do serviço militar.
a) O menino, receoso do que poderá enfrentar no quartel, imagina situações complicadas a que se submeterá e reage com a chegada de seu herói, de modo que seus gritos foram escutados por Mafalda.   
b) O jovem menino, com medo do que o quartel lhe reserva, cria situações mentais em que, fatalmente, não consegue êxito, conforme expresso no último quadrinho.   
c) A possibilidade de poder contar com a presença física de seu herói no quartel retira, desde o início, todo medo e ansiedade do jovem que deseja servir às Forças Armadas de seu país.   
d) Embora com desejo de servir às Forças Armadas, a presença de Mafalda, no último quadrinho, reforça a ideia de que as mulheres não concordam com o fato de o serviço militar obrigatório ser exclusivo para homens.   
  
4. (Ifsc 2017)  Texto 1
Texto 2

Isto sabemos: a Terra não pertence ao homem; o homem pertence à Terra.
Isto sabemos: todas as coisas estão ligadas, como o sangue que une uma família. Há uma ligação em tudo. O que ocorre com a terra recairá sobre os filhos da terra. O homem não teceu o tecido da vida: ele é simplesmente um de seus fios. Tudo o que fizer ao tecido, fará a si mesmo. 
Fragmento da Carta do Cacique americano ao Presidente dos Estados Unidos da América em 1855. Disponível em: <http://comitepaz.org.br/chefe_seattle.htm>. Acesso em: 19 ago. 2016.

Considerando os textos 1 e 2 , assinale a alternativa CORRETA.
a) Os dois textos falam sobre doenças sanguíneas que atualmente afetam as pessoas de uma mesma família.   
b) Ambos os textos têm como tema a necessidade de cuidarmos do nosso Planeta.   
c) Os dois textos têm como tema central as belezas naturais.   
d) Os dois textos destacam os cuidados que o homem demonstra ter com a natureza.   
e) Em ambos os textos, o Presidente dos Estados Unidos é criticado por suas atitudes contra a preservação do planeta.   
  
5. (Upe-ssa 2 2017) 
A propósito do texto acima e de seus recursos multimodais, analise as proposições a seguir.

I. Ao encobrir parte da cena, o primeiro quadrinho cria certa expectativa sobre quem é o interlocutor de Mônica, o que só é mostrado no segundo quadrinho.
II. No segundo quadrinho, a identidade da mulher (uma bruxa) é apresentada principalmente por meio de recursos não verbais.
III. Os traços em forma de semicírculo e ‘a poeira’ em movimento em torno da vassoura indicam que esse objeto está ‘ligado’, é autônomo para se movimentar e, portanto, deve pertencer a uma bruxa.
IV. O humor da tira tem relação com o fato de Mônica interrogar a bruxa com muita seriedade, à procura de evidências de que ela é a dona da vassoura.

Estão CORRETAS:
a) I e III, apenas.   
b) I, II e III, apenas.   
c) I e IV, apenas.   
d) II e IV, apenas.   
e) I, II, III e IV.   

TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 2 QUESTÕES:
6. (Uerj 2017)  No primeiro quadrinho, a declaração feita pela personagem indica um pressuposto acerca do universo escolar.

Esse pressuposto pode ser associado, na escola, à seguinte prática:
a) negação do patriotismo   
b) intolerância à diversidade   
c) desestímulo às indagações   
d) reprovação de brincadeiras   
  
7. (Uerj 2017)  Todo o raciocínio da personagem pode ser expresso na fórmula dedutiva “se A, então B”.

Para que essa fórmula esteja de acordo com o raciocínio da personagem, ela deve ser redigida da seguinte maneira:
a) Se escolhemos onde nascer, então amar a pátria não é uma obrigação.   
b) Se não escolhemos onde nascer, então amar a pátria é uma conveniência.   
c) Se a professora se zanga com perguntas, então eu não devo fazer uma redação só com perguntas.   
d) Se a professora não se zanga com perguntas, então eu posso fazer uma redação só com perguntas.    
8. (Puccamp 2017)  
 
Considerada a norma-padrão da língua, a observação correta é:
a) No quadrinho, a expressão Por quê? está empregada adequadamente, mas se a frase, com sentido equivalente, tivesse outra redação − “Ela se perguntava desesperadamente porque havia feito aquilo” − o que está em destaque também estaria empregado com correção.    
b) No quadrinho, a expressão Por quê? está empregada adequadamente, como também está na frase “Não entendo o por quê de tanta discussão”.   
c) A colocação do pronome em Me perdoa...!! é condenada pelas regras gramaticais, sendo considerada aceitável exclusivamente quando se trata de textos humorísticos.   
d) O sinal indicativo da crase em Induz à humildade está adequadamente empregado, como o estaria também em “Induz à esse tipo de virtude encontrado em pessoas despretensiosas”.   
e) A análise da composição do quadrinho evidencia que o verbo “encher” está empregado como transitivo direto e indireto, sendo que o objeto direto é indicado por meio da representação visual.    
9. (Cftrj 2017) Leia o texto com atenção e, em seguida, responda à questão proposta:

Conversas iluminadas

Tem coisa mais xarope do que faltar luz? 1Outro dia estava terminando de escrever um texto e não consegui concluí-lo: o céu enegreceu, trovões começaram a espocar e foi-se a energia da casa. Eram 15h10 da tarde. A luz só voltou às 20h. Fiquei com aquele pedaço de dia sem poder trabalhar. Então bati à porta do quarto da minha filha e percebi que ela também estava à toa, sem conseguir desfrutar da companhia inseparável do seu laptop. Ficamos as duas ali nos queixando do desperdício de tempo, até que nos jogamos em sua cama e começamos a conversas. Que jeito.
2Conversamos sobre os sonhos que ela tem para o futuro, e eu contei os que eu tinha na idade dela, e de como a vida me surpreendeu desde lá até aqui. E ela me divertiu com umas ideias absurdas que só podiam mesmo sair de sua cabeça inventiva, e eu ri tanto que ela se contagiou e riu muito também de si mesma. Então ela me falou sobre uma peça de teatro que foi assistir quando eu estive viajando, e ela disse que eu teria adorado, e combinamos de ir juntas na próxima vez que o ator voltar a Porto Alegre.
Aí eu contei o que fiz durante essa viagem que me impediu de estar com ela no teatro, e vimos as fotos juntas. Então foi a vez de ela me apresentar o novo disco da Lady Gaga (pelo celular), e ela me convenceu de que existe muito preconceito com essa cantora que, em sua opinião, é revolucionária, e eu escutei umas sete músicas e não gostei tanto assim, mas reconheci ali um talento que eu estava mesmo desprezando. Então foi a 3minha vez de tocar pra ela uma música que eu adoro e ela fez uma careta, e concluí que a careta era eu. 4E rimos de novo, e conversamos mais um tanto, 5e então fomos para a cozinha comer um resto de salada de fruta que estava a ponto de estragar naquela geladeira sem vida, já que a luz ainda não havia voltado.
Será que não havia voltado mesmo? Engraçado, fazia tempo que não passava uma tarde tão luminosa.
Quando por fim a luz voltou, voltei também eu para o computador, e voltou minha filha para seu Facebook, 6e só o que se escutava pela casa era o barulho das teclas escrevendo para seres invisíveis – falávamos com quem? Com o universo alheio.
E tive então um insight: tem, sim, coisa mais xarope do que faltar luz. É ficarmos reféns da tecnologia, deixando de conversar com quem está ao nosso lado. Se é preciso que a energia elétrica seja cortada para resgatar a energia humana, que seja, então. Não em hospitais, não em escolas, mas dentro de casa, uma horinha por semana: não haveria de causar um estrago tão grande. 7Se acontecer de novo, prometo não reclamar para a CEEE*, desde que não demore tanto para voltar a ponto de estragar os alimentos na geladeira e que seja suficiente para me alimentar da clarividência e brilho de um bom papo. 
MEDEIROS, Martha. Porto Alegre: Jornal Zero Hora, 15 de dez. 2013.
  
*Companhia Estadual de Energia Elétrica – Rio Grande do Sul

Após a leitura comparativa entre o texto “Conversas iluminadas” e a tirinha acima, pode-se concluir que
a) ambos os textos destacam aspectos positivos da tecnologia.   
b) ambos os textos enfatizam malefícios dos recursos tecnológicos.   
c) o texto “Conversas iluminadas” destaca pontos negativos da tecnologia; a tirinha, seus benefícios. 
d) o “Conversas iluminadas” apresenta características positivas da tecnologia; a tirinha, seus malefícios.   
   
Compartilhe no Google Plus

Sobre Portal do Vestibulando

O objetivo do site é fornecer material didático a todas as pessoas que buscam ampliar seus conhecimentos, vestibulandos ou não. Assim, caso você precise de algum material específico, entre em contato conosco para que possamos disponibilizar.