Herbert Spencer - síntese


Spencer foi o primeiro sociólogo inglês. Ele acreditava, assim como Comte, que os agrupamentos humanos podiam ser estudados cientificamente. Em sua obra “Os princípios da sociologia”, ele desenvolveu uma teoria de organização do homem, apresentando uma vasta série de dados históricos e etnográficos para fundamentá-la. Para Spencer, todos os domínios do universo – físico, biológico e social – desenvolvem-se segundo princípios semelhantes. A tarefa da sociologia é aplicar esses princípios ao que ele denominou de campo superorgânico. 

Para Spencer a evolução da sociedade engloba o crescimento e a complexidade que é gerenciada pela interdependência e pelo poder. Se os padrões da interdependência e as concentrações de poder falham ao surgir a sociedade, ou são inadequados à tarefa, ocorre a dissolução e a sociedade se desmorona. 

Funções-chave em uma sociedade complexa 

As sociedades complexas revelam divisões e padrões de especialização: 

Operacional (reprodução e produção); 
Distribuidora (fluxo de materiais e informação); 
Reguladora (concentração de poder para regular e coordenar); 

Teoria do funcionalismo 

Essa teoria expressa a ideia de que tudo o que existe em uma sociedade contribui para o seu funcionamento equilibrado; tudo que nela existe tem um sentido, um significado.
Compartilhe no Google Plus

Sobre Portal do Vestibulando

O objetivo do site é fornecer material didático a todas as pessoas que buscam ampliar seus conhecimentos, vestibulandos ou não. Assim, caso você precise de algum material específico, entre em contato conosco para que possamos disponibilizá-lo.

0 comentários:

Postar um comentário